Categorias



Ruas do Centro interditadas para Caminhada de Combate ao AVC no sábado

14/10/2019 - Publicado por: Jorge Pedroso - Categoria: Trânsito - Tags: ruas centro interditadas caminhada combate avc sabado

Devido à Caminhada de Combate ao AVC (Acidente Vascular Cerebral), promovida pelo Hospital São José, três ruas do Centro de Jaraguá do Sul estarão parcialmente interditadas em parte da manhã do próximo sábado (19). A informação é do diretor municipal de Trânsito e Transportes, Gildo Martins de Andrade Filho, acrescentando que a caminhada terá partida e chegada na Praça Ângelo Pizera, onde a concentração está marcada para as 8h30. O percurso compreende as ruas Marechal Deodoro da Fonseca, Guilherme Weege e Reinoldo Rau. O evento deve ter uma duração de 30 minutos e reunir cerca de 500 participantes.

A Caminhada de Combate ao AVC integra a programação de atividades do Programa Jaraguá Mais Saudável, que é uma iniciativa do Serviço Social da Indústria de Santa Catarina e tem a prefeitura jaraguaense entre seus parceiros. O evento é alusivo ao Dia Mundial do AVC, instituído em 2006 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em parceria com a Federação Mundial de Neurologia, que elegeram 29 de outubro como data para alertar a população sobre os tratamentos e prevenções da doença, além de engajar os profissionais da Saúde a melhor orientar seus pacientes sobre esses cuidados.

Conforme informações divulgadas no site da Rede Brasil AVC, “1 em cada 4 de nós terá um AVC ao longo da vida! Não deixe que seja você!” é o mote da campanha deste ano. A organização orienta que, adotando-se os passos corretos, 90% dos casos podem ser evitados. Ainda de acordo com publicação da Rede, essa doença é a segunda causa de morte de morte no mundo e a primeira causa de incapacidade, podendo acontecer em qualquer pessoa, independentemente da idade, afetando a todos: pacientes, familiares e amigos. O site também informa que, anualmente, 13,7 milhões de pessoas têm um AVC no mundo. Desse total, 5,5 milhões morrem.

Dados em Jaraguá do Sul
Conforme dados da Secretaria Municipal de Saúde divulgados no documento denominado Saúde em Números – Edição 2019 (Ano Base 2018), doenças do aparelho circulatório estão entre as principais causas de morte em Jaraguá do Sul. Disponíveis no site da prefeitura jaraguaense (clique agui), os dados apontam 200 casos registrados no ano passado, sendo que desse total 61 mortes foram por AVC.

De acordo com Luís Fernando Medeiros, do setor de Planejamento da Secretaria Municipal de Saúde, quem realiza esse levantamento junto ao Sistema de Informações de Mortalidade do Ministério da Saúde (SIM), câncer e doenças do aparelho circulatório revezam-se, desde 2009, no topo das causas mais frequentes de mortes em Jaraguá.

Hábitos saudáveis
Especialista em Avaliação em Saúde, pela Escola Nacional de Saúde Pública, Luís Fernando Medeiros, destaca que atividade física e alimentação saudável são fundamentais à prevenção da maioria das doenças, principalmente das crônicas não transmissíveis (DCNT), como as cardiovasculares, que estão entre as cinco causas mais frequentes de mortalidade em Jaraguá do Sul.

Ele alerta que essas doenças possuem quatro fatores de risco e possíveis de serem modificados: tabagismo, uso indevido de álcool, atividade física insuficiente e alimentação não saudável. “Ser fisicamente ativo é uma das ações mais importantes que pessoas de todas as idades podem fazer para melhorar a saúde”, recomenda Medeiros. Orienta-se realizar, pelo menos, de 150 a 300 minutos por semana de atividade física de intensidade moderada, como caminhadas por exemplo.

Medeiros reforça que comer alimentos saudáveis, diminuir o sal na dieta, limitar o consumo de bebida alcoólica, não fumar, gerenciar o estresse, praticar o relaxamento ou a respiração lenta e profunda também são medidas importantes indicadas para prevenir essas doenças.

Matérias relacionadas
Saúde faz controle das principais doenças e dá dicas de prevenção
Dia Mundial do AVC 2019 foca no risco de AVC e sua prevenção



 




Jaraguá do Sul - SC - CNPJ: 83.102.459/0001-23 - Rua Walter Marquardt, 1111 - Barra do Rio Molha - 89259-565 - Caixa Postal 421 - Fone: (047) 2106-8000