Categorias



Primeiros dados do Plano de Mobilidade apontam necessidade de mudanças

01/07/2015 - Publicado por: Pedro Bortoloti Jr - Categoria: Jourdan - Tags: mobilidade planos transporte público

A quarta reunião sobre o Plano de Mobilidade de Jaraguá do Sul, na segunda-feira (29), no Centro Empresarial de Jaraguá do Sul (Cejas), contou com os primeiros dados levantados pela Urbtec TM – Engenharia, Planejamento e Consultoria, de Curitiba (PR), empresa responsável pelo trabalho. O plano, que tem previsão de ficar pronto em outubro, tem os objetivos de guiar o planejamento urbano e auxiliar nas mudanças necessárias em curto espaço de tempo. As informações coletadas delineiam o trânsito na cidade com diagnósticos que caracterizam a malha viária, natureza das viagens de automóvel e pontos críticos de tráfego.

No ranking dos pontos críticos, tendo como base o número de acidentes registrados pela Polícia Militar (PM) nos anos de 2013 e 2014, a líder é a Avenida Prefeito Waldemar Grubba, totalizando 701 acidentes. Na sequência, surgem a Rua José Theodoro Ribeiro, na Ilha da Figueira, com 371; Presidente Epitácio Pessoa, com 339; Walter Marquardt, com 327 e Bernardo Dornbusch, com 255 acidentes. Só em 2014, de acordo com dados do setor de trânsito da PM, foram 3.451 acidentes.

Quando analisada a Unidade padrão de severidade (UPS), que leva em conta a soma de danos materiais com número de feridos e de vítimas fatais, aparecem, ainda, as Ruas Waldemar Grubba, José Theodoro Ribeiro e Walter Marquardt em primeira, segunda e terceira colocações, respectivamente, e surgem a Manoel Francisco da Costa, Bertha Weege e Roberto Ziemann, em quarta, quinta e sexta posições. Dos veículos envolvidos, 66% correspondem a automóveis, 12% motos, 10% caminhonetes e 8% trens.

A evolução da quantidade de veículos aponta para 66.707 automóveis na cidade em 2014 para uma população estimada em 159.896 moradores, com um índice de 42 automóveis para cada 100 habitantes. Em 2002, por exemplo, esta última estimativa era de 27 automóveis para cada 100 habitantes. Pesquisa de 2011 demonstrou que, nos horários de pico, 46% utilizavam veículos, 24% eram pedestres, 19% optavam pelo transporte coletivo e 11% eram ciclistas.

O plano de diagnóstico recente da Urbtec apontou para o intervalo das 7 às 8 horas e das 17h15 às 18h15 as situações mais críticas no trânsito. Os dados levantados mostram grande número de deslocamentos nos bairros Czerniewicz, Amizade, Ilha da Figueira e Vila Lalau, principalmente em direção ao Centro. As informações catalogadas pela Urbtec servirão, também, de embasamento técnico para a abertura de edital de transporte público, previsto para o próximo ano. (Os números apresentados têm como base o relatório da Urbtec).

















 




Jaraguá do Sul - SC - CNPJ: 83.102.459/0001-23 - Rua Walter Marquardt, 1111 - Barra do Rio Molha - 89259-565 - Caixa Postal 421 - Fone: (047) 2106-8000