.......... l  Oficinas  l  Projetos  l  Direitos do Idoso  l  Programas da Secretaria  l  AGTI  l  Contato  l

 

Informativo

"27 de Setembro dia Nacional do Idoso"

Atualizado 02/12/05


 

Oficina do Corpo - Projeto Ação Fisioterápica

 

I – Definição de Fisioterapia:
Fisioterapia é o tratamento de pacientes por diferentes meios físicos, com o objetivo de restauração ao máximo a sua capacidade funcional, independência para o trabalho e na sociedade. (Associação Americana de Fisioterapia)

II – Perfil do Fisiotrapeuta:
O fisioterapeuta é um profissional de nível superior que tem a privacidade de executar métodos e técnicas fisioterápicas com a finalidade de restaurar, desenvolver e conservar a capacidade física do paciente.
Compreendem os métodos e técnicas o prévio diagnóstico e avaliação do paciente, Avaliação Física Funcional ou Cinética Ocupacional, com a finalidade de detectar o real estado do paciente, para só então prescrever os métodos e técnicas que melhor possam restaurar, desenvolver e conservar a capacidade física ou mental conforme o caso.
Da mesma forma o profissional ao final de cada sessão deverá avaliar o paciente para decidir sobre a continuidade do tratamento, dar alta ao mesmo ou manter acompanhamento periódico.
Compete somente ao médico encaminhar o paciente ao setor de fisioterapia, mas o processo fisioterapêutico, a metodologia, as técnicas mais adequadas serão decididas pelo profissional competente, assim como o uso ou adaptações de órteses, próteses, cadeiras de rodas, bengalas, andador e outros.
Portanto, em se tratando de restaurar, desenvolver ou conservar a saúde física do paciente, através de métodos e técnicas fisioterápicas, o fisioterapeuta, que está habilitado a tal , exercer essas atividades com total independência.

III– Avaliação do Paciente:
O estágio de avaliação do paciente envolve tanto os dados objetivos como os subjetivos do nível atual da função e do grau de disfunção.
Avaliar um paciente impossibilitado em suas funções requer um roteiro de análise que não seja rígido, mas permita ao fisioterapeuta um aprofundamento de conhecimentos a respeito de seu paciente, fornecendo-lhe dados para uma boa avaliação.
Essa avaliação inicia-se com o estabelecimento de certos elementos de base e continua através do processo de reabilitação.
3.1 – Dados Necessários Para Uma Boa Avaliação
- Encaminhamento com registro médico sobre a história do paciente;
- Registro de exames complementares;
- Acompanhamento de responsável;
- Boa afinidade com o paciente para que ele adquira confiança no fisioterapeuta;
- Estabelecer diagnóstico da disfunção;
- Etiologia da disfunção;
- Prognóstico;
- Medidas de terapia física.

IV – Objetivo do Tratamento:
O objetivo do tratamento apropriado é freqüentemente o passo mais difícil no processo de planejamento do trabalho, requerendo toda a capacidade profissional de julgamento do fisioterapeuta a e na avaliação dos dados apresentados.
Partindo das anormalidades que o paciente apresente, o fisioterapeuta terá condições de trocar os objetivos de seu plano de tratamento.
Primeiro se estabelece os objetivos em longo prazo. Estes objetivos são descritos em termos funcionais e indicam:
1 – Grau de independência, supervisão e assistência requeridas;
2 – Orientação de assistência requerida quando houver necessidade de uso de aparelho;
3 – Nível total da função esperada.
Esses objetivos descrevem o produto final esperado da fisioterapia aplicada. Os objetivos em longo prazo são normalmente estabelecidos pela equipe de reabilitação e refletem um acordo mútuo que todos os membros da equipe fizerem no sentido de assistir o paciente e atingir esses objetivos.
Os objetivos em curto prazo podem fazer parte de uma seqüência desde que um certo componente do tratamento possa ser vital para a obtenção de várias atividades funcionais.
Os objetivos em curto prazo estão freqüentemente inter-relacionados. O objetivo final deverá ser trocado para que o paciente consiga uma função com máxima independência e eficiência dentro das limitações impostas por sua deficiência.
4.1 – Objetivos Gerais:
- Aumentar a capacidade funcional;
- Estimular autoconfiança e auto-estima;
- Promover socialização;
- Promover vivências lúdicas ou educacionais;
- Promover vivências pré-profissionalizantes e lazer.
4.2 – Objetivos Específicos:
- Normalizar tônus muscular;
- Desenvolver as capacidades sensório-motoras de lateralidade: direção, imagem corporal e equilíbrio;
- Avaliar a orientação espacial e a noção de esquema corporal;
- Aumentar a resistência física, levando-se em conta a dor e a fadiga;
- Inibir os padrões anormais de postura e estimular os normais;
- Desenvolver a marcha;
- Promover a independência nas AVDs com ou sem uso de adaptações;
- Desenvolver habilidade auditiva de concentração e de responder corretamente desafios verbais;
- Proporcionar atividades em grupo;
- Estimular aspectos cognitivos e senso de percepção para proporcionar atividades compatíveis com a seqüela deixada.

Proposta de Atuação das Atividades Fisioterápicas para os Grupos

- Gerais:
A fisioterapia com a terceira idade trabalha com a finalidade de prevenção, motivando o idoso a prática dos exercícios que são programados e realizados em grupo, tendo como objetivos principais.
· Motivar o idoso para prática dos exercícios;
· Estimular a motricidade dos músculos e articulações, proporcionando maior coordenação de atividades;
· Favorecer a circulação sangüínea periférica e cerebral;
· Ativar a respiração, proporcionando melhor oxigenação das células e evitando desgaste precoce da capacidade de reflexo mental;
· Desenvolver a personalidade do idoso na auto-estima, por ser ativo com as limitações especificas da idade e pela integração na comunhão com outros, superando a solidão e a auto – destruição.

- Fisioterápicos:
· Conscientizar o idoso do valor preventivo e condutivo das atividades propostas;
· Engajar-se com alegria e entusiasmo contagiante nestes exercícios;
· Trabalho dentro das técnicas especificas para ginásticas com idoso

.


.................Danηa  l  Banda  l  Trabalhos Manuais  l  Ginática Jogos e Esporte  l  Coral  l  Culinária  l  Caminhadas  l  Fisioterapia  l

Colônia de Férias ---Cursos--- Valorização do Idoso--- Links